info Declaração sobre o COVID-19

Apesar de o vírus estar afetando a todos de formas diferentes, os nossos cursos online continuam, como planejado.
Considere a oportunidade de se juntar à nossa sala de aula global e online, tendo, dessa forma, uma experiência enriquecedora e interativa que vai estimular a sua carreira.

7 tendências de transformação digital para 2020

Emeritus |10 março, 2020 | 6 - minutos para ler

A todo momento, executivos de empresas de diversos tamanhos buscam conhecer as tendências da transformação digital para aprimorar suas estratégias de negócios. A comprovação disso pode ser demonstrada por um estudo do Gartner que revelou que os investimentos em tecnologia em 2020 serão 2,5% maior do que no ano anterior. Isso significa um aumento de US$ 64 bilhões. Entretanto, mais importante do que ter o dinheiro disponível para tal, é preciso pensar estrategicamente e escolher as opções mais inovadoras e atuais.

É necessário saber quais são as principais novidades e o que proporcionará mais oportunidades de o seu negócio decolar e ter vantagem competitiva. Para ajudar você a fazer o investimento certo, reunimos as principais tendências da transformação digital para 2020. Confira!

1. Machine learning e IA para obtenção e análise de dados

O fato de vivermos hoje na era do Big Data não é mais novidade. Além do alto volume de dados gerados a todo instante, sabemos a importância de analisá-los para a tomada de decisões nas empresas.

Em 2020, essa questão segue em alta. O que deve crescer é a obtenção e análise desses dados por soluções de machine learning e inteligência artificial (IA). O trabalho em conjunto desses três conceitos permite mais velocidade, escalabilidade e eficácia na análise de informações, que são fatores muito importantes para se manter no mercado e com vantagem competitiva perante os concorrentes.

2. 5G

Outra forte característica do momento atual em que vivemos é estarmos sempre conectados, independentemente do local e momento. Por isso, as redes de conexão passam por constantes melhorias, para alcançarem velocidades cada vez mais rápidas.

Há quem diga que a quarta geração de internet móvel já não é mais suficiente para suportar as nossas necessidades. Logo, o 5G será uma realidade a partir de 2020. Essa evolução facilitará o desenvolvimento de novos serviços e produtos, como carros inteligentes e conexões com dispositivos de IoT, além de download e upload de dados mais rápido e conexões mais estáveis.

3. XaaS

XaaS significa Everything as a Service, uma sigla que está se popularizando rapidamente desde o final de 2019. Ou seja, qualquer coisa como serviço ganha ainda mais espaço no mercado graças ao crescimento do cloud computing.

O XaaS segue a premissa do SaaS funcionando com base na demanda de cada usuário. Por exemplo, o monitoramento automático dos sistemas e serviços de uma empresa que estão hospedados na nuvem. Isso possibilita que as organizações sejam 100% virtuais. Além disso, esse tipo de serviço faz com que empresas de diferentes tamanhos sejam concorrentes, visto que o custo para manter esse serviço é muito menor com o uso do XaaS.

4. Blockchain

O termo blockchain já está sendo muito usado. Contudo, poucas ações e estratégias utilizando essa tecnologia saíram de fato do papel. É exatamente isso que é esperado para o ano de 2020: atitudes mais concretas das empresas com o uso do blockchain.

Empresas que nasceram na era digital, como Amazon Web Services e Alibaba já estão investindo muito nesse tipo de projeto e estão bem próximos de fazer lançamentos. O que podemos esperar é o uso de criptomoedas para desenvolvimento de tecnologias, principalmente aquelas que dizem respeito à propriedade intelectual. Entretanto, a revolução da forma como usamos moedas de valor ainda está longe.

5. Cidades e casas inteligentes

Aquele futuro que até então parecia muito distante, com casas inteligentes e carros que não precisam de motoristas, está mais próximo do que imaginamos. Em 2020, muitas dessas iniciativas devem passar a ser comercializadas, visto que empresas como Intel e BMW já estão há algum tempo desenvolvendo tecnologias e produtos para isso.

A sustentabilidade está diretamente relacionada ao desenvolvimento de cidades inteligentes. A busca por alternativas que sejam menos prejudiciais à natureza cada dia mais se torna essencial.

Caso ainda não tenha iniciado, a sua empresa deve começar a pensar como os seus produtos e serviços se relacionam com todos os itens de IoT que compõem uma casa inteligente, por exemplo. Lembrando sempre que o objetivo desses produtos e serviços deve ter como foco a personalização e o atendimento das principais necessidades dos consumidores.

6. Proteção de dados

A Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais no Brasil entra em vigor no ano de 2020. Após um período de adaptação, agora as empresas que utilizarem as informações de consumidores fora das normas estabelecidas pela LGPD serão severamente punidas.

O tema tem sido tão debatido que a má utilização dos dados dos clientes por parte das empresas já é muito malvista pela população, e a adequação tende a ficar ainda mais rigorosa. Assim, a instituição que não pensar em medidas para proteger seus consumidores e suas informações tende a ter sua imagem prejudicada e perder espaço no mercado.

7. Foco no cliente

O cliente é considerado um dos cinco domínios da transformação digital. Isso porque hoje os consumidores estão conectados e interagindo constantemente. Ou seja, as pessoas influenciam umas às outras e constroem a reputação das marcas que consomem e com as quais se relacionam. Tudo isso em altíssima velocidade.

Se analisarmos as tendências colocadas aqui, todas elas têm interface com os clientes de alguma forma. Por isso, assim como é importante investir e inovar no que diz respeito à tecnologia, é crucial também ter essa mesma agilidade e atenção para fazer adaptações em processos que envolvem os seus consumidores, a fim de gerar uma experiência excelente para aqueles que interagirem com a sua marca.

Ainda sobre o cliente e a sua experiência, todo produto e serviço deve ter como foco a geração de valor para o seu usuário. Para isso, a empresa deve ser ágil em duas frentes que precisam andar juntas: inovação em tecnologia e compreender as necessidades e como o desenvolvimento de algo novo facilitará a vida do usuário.

Conhecer e estar sempre atualizado sobre as tendências da transformação digital é extremamente importante. Entretanto, o especialista no assunto David L. Rogers — autor do livro Transformação Digital - repensando o seu negócio para a era digital, e professor do curso de Transformação Digital do Instituto Emeritus — afirma que a transformação digital não diz respeito apenas à tecnologia.

Para Rogers, mais importante do que atualizar a arquitetura de TI é ter pensamento estratégico. Nesse cenário de rápida transformação, os líderes das organizações precisam estar constantemente pensando formas de reinventar o negócio e gerar novos valores para os seus clientes.

Quer saber mais sobre esse assunto? Continue no nosso blog e leia o artigo "Transformação digital e disrupção: quais são os impactos para a sua empresa?".

Saiba qual curso do Emeritus tem tudo a ver com você!Powered by Rock Convert

Comente

Receba Conteúdos exclusivos
sobre Business Management!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.