info Declaração sobre o COVID-19

Apesar de o vírus estar afetando a todos de formas diferentes, os nossos cursos online continuam, como planejado.
Considere a oportunidade de se juntar à nossa sala de aula global e online, tendo, dessa forma, uma experiência enriquecedora e interativa que vai estimular a sua carreira.

Business analytics: o que é e qual é sua aplicabilidade para os negócios?

Emeritus |28 Maio, 2020 | 6 - minutos para ler

Com a evolução das tecnologias, um desafio constante na vida de gestores é adaptar os seus negócios para responder com eficiência e rapidez às mudanças no mercado, de forma que se mantenham competitivos.

Para isso, é fundamental desenvolver competências e habilidades para se manter à frente dos concorrentes. Uma dessas estratégias é o Business Analytics, um conceito que utiliza a exploração de dados para fazer análises de inteligência de negócio.

Independentemente do tamanho da empresa ou do mercado em que atuam, o Business Analytics pode ser útil para avaliar tendências e conhecer o negócio. A seguir, aprofundaremos mais nesse tema, apresentando as vantagens de utilizar essa estratégia. Confira!

O que é Business Analytics?

Business Analytics, ou análise de negócios, é o processo de avaliar e analisar todos os dados que a sua empresa dispõe e utilizá-los para tomar decisões data-driven. Esse conceito vai muito além de apenas olhar para os números e ver o que aconteceu.

O objetivo do BA é fornecer informações sobre por que as coisas aconteceram daquela maneira e sugerir etapas a seguir. A ideia dessa estratégia é ter mais ação do que teoria. Isso significa interpretar os dados para ter respostas e não apenas para entender o cenário.

As principais características do Business Analytics são velocidade, otimização e entrega de resultados práticos. É a partir da sua aplicação que surgem relatórios, noções qualitativas e quantitativas, além de vários outros elementos que promovem uma exploração mais aprofundada do tema em questão.

Diferença entre Business Analytics e Business Intelligence

Os conceitos de BA e BI são bem parecidos. Por isso, um jeito simples de entender a diferença entre os dois é entendendo um como uma evolução do outro. O Business Analytics surgiu justamente do Business Intelligence, aprimorando e desenvolvendo as técnicas e métricas.

No entanto, é importante frisar que isso não significa que o BI seja ultrapassado ou desnecessário para as empresas. São apenas metodologias distintas. O Business Intelligence, por exemplo, é muito útil para auxiliar os gestores no planejamento e na elaboração de estratégias, principalmente quando a empresa ainda não tem um ponto de partida. Já o BA é mais abrangente e envolve outros recursos de estatísticas.

Então, de maneira simplificada, o Business Intelligence é uma ferramenta para estruturar um sistema de métricas e análise de dados, enquanto o Business Analytics é um recurso mais aprofundado que se baseia em informações para propor abordagens diferentes.

Por que trabalhar o Business Analytics do seu negócio?

Segundo uma pesquisa da McKinsey, uma porcentagem crescente de empresas está utilizando análises para gerar crescimento. Entre os benefícios encontrados por essas organizações estão:

  • avaliação da concorrência;
  • avaliação do histórico da empresa;
  • confiabilidade das informações;
  • agilidade nos planejamentos;
  • auxílio na elaboração de planejamentos estratégicos;
  • melhoria na organização de processos;
  • redução de erros e falhas;
  • redução de duplicação de tarefas;
  • redução de custos;
  • elaboração de estratégias de marketing digital mais personalizadas;
  • melhores perspectivas de crescimento, com base nas informações levantadas.

O custo-benefício do uso dessa metodologia é, por si só, uma vantagem para as empresas. As despesas relacionadas à contratação de profissionais capacitados para aplicar o Business Analytics ou à utilização de ferramentas especializadas são variáveis, mas, ainda assim, são acessíveis e garantem um bom retorno para os negócios.

Além disso, o uso dessa ferramenta em colaboração com o BI ou com o Big Data aumenta o nível de eficiência da análise. Portanto, todos esses recursos podem, e devem, ser implementados em conjunto no dia a dia do planejamento estratégico da sua empresa. A coleta e análise de dados são o primeiro passo para qualquer tomada de decisão, especialmente as relacionadas às grandes mudanças.

Como adotar o Business Analytics na empresa?

Veja agora quais são os principais passos para estruturar uma boa estratégia de Business Analytics.

Levantamento das necessidades do negócio

A primeira etapa consiste na identificação do processo que a empresa gostaria de melhorar ou no problema que deseja resolver. Nessa fase, é importante fazer questionamentos, como “que dados estão disponíveis”, “como eles podem ser utilizados?”, “os dados disponíveis são suficientes?”.

Os dados que serão relevantes para resolver o objetivo final devem ser decididos pelas partes interessadas, bem como pelos usuários com conhecimento dos processos e pelos analistas que desenvolvem as ações relacionadas.

Análise dos dados

business analytics

Nesse estágio, é preciso fazer uma limpeza e um filtro dos dados, removendo outliers e fazendo uma combinação de variáveis para criar conjuntos de dados. De primeiro momento, a ideia é encontrar padrões gerais e insights acionáveis que podem indicar caminhos mais direcionados.

Em seguida, usando métodos de análise estatística, deve-se buscar todos os fatores relacionados à variável de destino. Da mesma forma, é preciso executar uma análise de regressão para identificar previsões simples e rápidas.

Previsão de probabilidades

Como explicamos, o Business Analytics é sobre ações. Por isso, esse é o momento de modelar os dados aplicando técnicas preditivas que incluem árvores de decisão, redes neurais e regressão logística.

Essas técnicas em conjunto vão revelar padrões e insights importantes para identificar relacionamentos e “evidências ocultas” das variáveis mais influentes. Assim, é possível comparar os valores preditivos com os reais e calcular os erros possíveis.

Busca da melhor solução

Depois de analisar todas as variáveis, é hora de aplicar os resultados para criar cenários hipotéticos. A partir de metas definidas pelos gestores, será possível determinar a melhor solução, pensando nas restrições e limitações fornecidas. A solução final deve ser aquela com o menor erro possível e metas de gerenciamentos alinhadas ao objetivo estratégico.

Tomada de decisão

Com base em todas as informações levantadas e cenários criados, os gestores conseguiram tomar decisões mais eficazes e evitar erros, pois todas as variáveis já foram testadas antes.

Nesta nova era digital, utilizar os dados para entender mais sobre o negócio e tomar decisões é fundamental para o sucesso de qualquer empresa. Nesse sentido, o Business Analytics é muito útil para estruturar todo o processo de avaliação e mensuração desses dados para alcançar o melhor resultado, em menor tempo e com menor custo.

Quer aprender a tomar decisões a partir de dados? Conheça o nosso curso de Business Analytics e transforme a sua organização em uma empresa orientada a dados!

Comente

Receba Conteúdos exclusivos
sobre Business Management!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.